CIDADES

Preservação ambiental: Prefeitura de Pederneiras adota Programa “Arquivo Digital é Ideal”

A Prefeitura de Pederneiras, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente está adotando o Programa “Arquivo digital é ideal, você não gasta papel e ajuda na preservação ambiental”. O intuito é tornar o uso do papel nos prédios públicos mais eficiente, evitando o desperdício e, com isso, economizando para os cofres públicos e contribuindo para a preservação do meio ambiente.

A princípio, o programa será adotado como piloto apenas nas dependências da Secretaria de Meio Ambiente. “Faremos as adaptações necessárias e maior utilização de documentos digitais durante um período de testes. Depois, enviaremos os resultados e economias ao prefeito para que, caso seja viável, o programa seja levado às demais repartições públicas municipais”, explica o secretário municipal de Meio Ambiente, Paulo Sérgio Lucas. Segundo o secretário, o objetivo em adotar o programa não é abolir o papel, mas evitar o desperdício que gera gastos desnecessários e vai contra a ideia de sustentabilidade.

Cenário preocupante

Adotar o programa para evitar o uso desnecessário de papel nas repartições públicas municipais veio diante de um cenário preocupante. Para se produzir uma folha de papel tamanho A4 são necessários, por exemplo, 10 litros de água, segundo a organização mundial Water Footprint Network. Além de outros tantos recursos que poderiam ser economizados com o simples hábito de economizar.

Outro dado alarmante é relativo ao consumo de papel per capita, no Brasil. Segundo a revista O Papel são produzidas 7.550 folhas de papel A4 de um tronco inteiro de uma árvore de eucalipto. Os brasileiros consomem, ao ano, em média, 10.600 folhas de papel A4, ou seja, uma árvore e meia de eucalipto por cidadão. Agora, multiplique isso por 210 milhões de brasileiros. É um número assustador.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar