CIDADESDestaqueGeralLençóis PaulistaMeio AmbienteNotíciasPoliticaRegional

Prefeito Prado reúne equipe para elogiar e agradecer apoio ao Programa Município Verde Azul

Na sexta-feira, 28 de dezembro de 2018, o Prefeito, Anderson Prado de Lima realizou uma reunião com secretários municipais e equipe envolvida, na Câmara Municipal, para agradecer o desempenho no Programa Município Verde Azul, ciclo 2018, bem como para reforçar o apoio de todos junto à Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente para o ciclo 2019.

Lençóis Paulista conquistou a 17ª colocação no ranking ambiental paulista com a nota 89,28 pontos (em uma escala que veria de 0 a 100), e ainda ficou com a 1ª colocação dentre os 34 municípios da bacia Tietê-Jacaré. O trabalho é coordenado pelo interlocutor Helton Damacena e o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Claudemir Rocha Mio (Tupã). Dentro do programa o município precisa planejar, promover e realizar ações ambientais referentes às dez diretivas do Programa, que são as seguintes: Município Sustentável; Estrutura e Educação Ambiental; Conselho Ambiental; Biodiversidade; Gestão das Águas; Qualidade do Ar; Uso do Solo; Arborização Urbana; Esgoto Tratado e Resíduos Sólidos.

Prefeito Prado enfatizou em sua fala a importância da certificação no Programa Município Verde Azul para os municípios paulistas e principalmente para Lençóis Paulista, que obtém a certificação desde 2013 e em seu governo é a segunda vez que ocorre, sendo que houve uma evolução significativa entre os ciclos de 2017 e 2018. As ações exigem dedicação e empenho por parte de uma equipe e principalmente do interlocutor que precisa levantar dados específicos sobre o município, juntar documentação, planejar e executar ações de educação ambiental e ações concretas de acordo com as propostas dentro dos prazos estabelecidos. Lençóis tem se destacado e está na elite dos municípios com melhor gestão ambiental do Estado de São Paulo, dentre os 645 municípios no ranking.

A bióloga do SAAE, Milena Guirado Coneglian, explicou sobe a atual fase de revisão do Plano de Saneamento e solicitou dos secretários presentes, apoio para participação nas reuniões do Conselho Municipal de Saneamento Básico.

Para o ciclo 2019, que teve início em outubro/2018, o interlocutor do PMVA, Helton Damacena, destacou alguns pontos principais como:

Realizar visitas técnicas com grupos no Teatro Municipal “Adélia Lorenzetti” para que conheçam os itens de sustentabilidade da edificação; Incentivo à produção sustentável de alimentos com hortas educativas e comunitárias, funcionamentos dos Varejões; Uso de madeira legal; Funcionamento dos Centros de Educação Ambiental no município; Promover ações pelo COMDEMA (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente), com reuniões mensais, formação paritária; Continuar a promover ações que visam a proteção da biodiversidade de flora e fauna silvestre; Guarda responsável de cães e gatos (destaque para o novo canil/gatil municipal); Foco em proteção de nascentes com proprietários rurais; Uso racional da água; Inauguração de uma nova Nascente Municipal Modelo para visitação pública e realização de educação ambiental; Promover ações que contribuem para a sadia qualidade do ar como ações de prevenção às queimadas urbanas; Desenvolver ações que favoreçam a arborização urbana de acordo com o plano municipal de arborização; Continuidade das implantações de “Espaços Árvores” em prédios públicos; Ações que visam tornar público o funcionamento da ETE (Estação de Tratamento de Esgotos) do SAAE; Realizar revisão do Plano Municipal de Saneamento; Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos; Desenvolver piloto de compostagem; e Mobilização para o Programa Municipal de coleta seletiva, entre muitas outras ações.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar