Região

Prazo para inscrição no Encceja 2024 termina nesta sexta-feira


38309

Foto: Freepik

O prazo para inscrições no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2024 termina nesta sexta-feira (10). As provas serão aplicadas no dia 25 de agosto, em todos estados e no Distrito Federal.

O Encceja é voltado para a certificação do ensino fundamental e médio. Nele são avaliados “competências, habilidades e saberes” de jovens e adultos que não concluíram essa etapa de estudos na idade adequada. As inscrições devem ser feitas no Sistema Encceja.

Termina também amanhã o prazo para solicitações de atendimento especializado e tratamento por nome social.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), entidade responsável pela aplicação do exame, o atendimento especializado será oferecido a participantes com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual (mental), surdocegueira, dislexia, déficit de atenção, transtorno do espectro autista e discalculia. Também podem ser contemplados gestantes, lactantes, idosos e pessoas com outras condições específicas.

Quem não justificou a falta no Encceja 2023 ou teve a justificativa reprovada, deverá ressarcir, até o dia 15 de maio, o valor de R$ 40 ao Inep para confirmar a inscrição no Encceja 2024.

O exame conta com colaboração das secretarias estaduais e municipais de Educação. Já a emissão do certificado e da declaração de proficiência é responsabilidade das secretarias de Educação.

Por Agência Brasil

O post Prazo para inscrição no Encceja 2024 termina nesta sexta-feira apareceu primeiro em 96FM Bauru.



Source link

Artigos relacionados

‘Lazer Perto de Você’ será no Pousada da Esperança neste domingo

A Prefeitura de Bauru, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer...

4º rodada do grupo A da Copa Big Boys de Futebol será neste sábado

\n\t\t A Prefeitura de Bauru, por meio da Secretaria de Esportes e...

Justiça suspende votação que rejeitou CP contra Mesa da Câmara

A juíza Ana Lúcia Graça Aiello, da 1.ª Vara da Fazenda Pública...

Seguro obrigatório voltará a ser pago em 2025

O pagamento de indenização por invalidez ou morte a pedestres e motoristas...